Guia Rápido
Capturas de tela
Vídeos

Galerias Mogu'shan

Confrontos

  • Vontade do Imperador – A câmara central das galerias abriga um exército de soldados de pedra que permaneceram imóveis por séculos. São fileiras e fileiras de guerreiros, estátuas armadas para uma batalha que nunca começou. Que tesouros eles guardam? E qual a ligação deles com o poder titânico que os enterrou aqui, nas sombras?
  • Guarda Pétrea – A primeira linha de defesa contra aqueles que ousam entrar nas galerias é uma impassível fileira de estátuas bestiais encantadas. Duras como granito e incansáveis vigilantes, as sentinelas da Guarda Pétrea são uma parede intransponível de chamas, garras e presas.
  • Gara'jal, o Atador de Almas – Líder do ataque dos trolls Zalandar aos cofres, Gara'jal está determinado a abrir esse tesouro de mistérios ancestrais e levar qualquer tipo de poder arcano e conhecimento que encontrar. Com o dom de usar talentos sombrios e cercado de uma estrutura leal de místicos Zalandar, ele ultrapassou as paredes externas do local e agora não sossegará até que os cofres sejam dele.
  • Espectros dos Reis – Registros antigos contam desses governantes lendários, poderosos mogus que esculpiram um império a partir das rochas de Pandária. O nome deles ainda faz a terra tremer: Zian da Sombra Infinita; Meng, o Demente; Quiang, o Impiedoso; e Subetai o Veloz. Dizem que os espíritos deles vagam pelas câmaras, perdidos em memórias fantasmagóricas de guerra e glória.
  • Feng, o Amaldiçoado – Há muito tempo, Feng Shri era o zelador das Galerias Mogu'shan e tinha a missão de preservar os tesouros guardados por entre aqueles corredores sombrios. Após anos de serviço leal, ele foi pego roubando (embora alguns digam que tudo não passou de uma armação feita por um servo invejoso), e o soberano mogu o puniu com uma maldição fatal. O espírito amaldiçoado de Feng Shri, desde então, vaga pelas câmaras, comungando com as sombras de heróis e lordes de guerra mogus do passado.
  • Elegon – Dedicados ao avanço do império, os mogus recuperaram e redirecionaram tecnologias titânicas para gerar um poder incomensurável nas profundezas desse antigo complexo. O motivo pelo qual essas energias foram canalizadas na forma da vontade gélida de um dragão celestial é um mistério que reside no coração dessas câmaras.

Música

Música de Introdução


Guias

Relacionado

Contribuir